Notícia

TRANSPORTE E DESENVOLVIMENTO URBANO

Secretaria de Estado de Transporte e Desenvolvimento Urbano

O Minha Cidade Linda, programa de requalificação de espaços urbanos presente em mais de 60 cidades alagoanas, agora se une ao maior programa de transferência de renda de Alagoas, também criado pelo Governo do Estado, o Cria, para, juntos, fazerem intervenções e adaptações nos espaços de lazer que receberão crianças e pais. O objetivo é fortalecer o convívio social e os cuidados com a primeira infância, que são duas importantes bandeiras do Cria. 

Os espaços terão playgrounds de madeira, carramanchões, bancos de concreto e serão totalmente pintados com a identidade visual do programa, que estará presente nos muros e nos brinquedos lúdicos - como a amarelinha -, além da implantação de totens coloridos, tornando o ambiente ainda mais acolhedor para os pequenos. Os brinquedos infantis implantados irão garantir o acesso a brincadeiras,  além de auxiliar o desenvolvimento psicossocial e cognitivo das crianças, e de fortalecer o vínculo familiar.

A assistente social da Secretaria Estadual de Assistência Social, Aline Rodrigues, afirma que o Cria vai além da transferência de renda e destaca que o programa engloba ações que contemplam políticas públicas de diferentes pastas. “O Cria não é apenas um programa de transferência de renda, ele é intersetorial, porque está na educação com as creches, na saúde com a vacinação, na assistência com os espaços lúdicos nos CRAS e, agora, no desenvolvimento urbano, com o Minha Cidade Linda, que vai garantir o convívio sociofamiliar e oferecer opções de sociabilidade para as crianças da primeira infância”, explicou. 

Os serviços do Minha Cidade Linda contemplam todas as cidades alagoanas e ocorrem de forma personalizada para cada município, levando em consideração as dimensões que variam de acordo com cada espaço. Agora, com o Cria unindo-se ao Minha Cidade Linda, será mantida a identidade visual e a usabilidade dos equipamentos para as crianças e seus pais conforme determina o Cria, como ressaltou a urbanista e superintendente especial de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Andreia Estevam.

“Os equipamentos de convívio social urbano são importantes enquanto pontos de encontro, pois contribuem no fortalecimento da relação entre pais e filhos, entre cidadãos e melhoram a qualidade de vida urbana. Agora, com o Cria unindo-se ao Minha Cidade Linda, vamos executar as intervenções buscando destacar os elementos e as diretrizes do Cria, garantindo, assim, que esses benefícios alcancem o maior número possível de famílias em todo o estado”, frisou.

A primeira cidade a receber as obras do Minha Cidade Linda em parceria com o Cria será Pariconha, no Sertão alagoano, cujos serviços de urbanização estão em andamento. A ideia é que, assim como o Minha Cidade Linda, as obras dos parques infantis com as diretrizes do Cria cheguem a todas as cidades alagoanas, primeiramente naquelas com até 50 mil habitantes, que representa 90% delas, e, em seguida, nas demais. 

O Litoral Norte alagoano é uma região estratégica para o desenvolvimento econômico do estado, sobretudo para a atividade turística. Para impulsionar ainda mais a vocação da região, o Governo de Alagoas tem investido fortemente em obras estruturantes, ao longo dos últimos seis anos, com o objetivo de alavancar ainda mais o potencial local e melhorar a vida dos alagoanos.

Já são mais de 240 quilômetros da malha viária do Litoral Norte beneficiadas por meio do programa Pró-Estrada, além da construção do tão esperado Aeroporto Costa dos Corais, cuja ordem de serviço foi assinada no início deste ano. O montante investido na região já ultrapassa os R$ 800 milhões, o maior investimento da história de Alagoas para o Litoral Norte.

Os recursos empregados na reconstrução de rodovias importantes para a região podem ser facilmente observados nos mais de 150 quilômetros recuperados, como na rodovia AL-101 Norte nos trechos entre Japaratinga e a divisa com o estado de Pernambuco, e entre Passo de Camaragibe e São Miguel dos Milagres; na rodovia AL-105 entre São Luiz do Quitunde e Matriz de Camaragibe; na rodovia AL-465 entre Japaratinga e Porto Calvo; e, também, na rodovia AL-460 que liga Porto Calvo a Porto de Pedras.

Melhorar o padrão das estradas já existentes era necessário, mas não parecia suprir a necessidade de integração entre cidades e regiões, indispensável para o desenvolvimento de qualquer estado. O governador Renan Filho arrojou e apostou na duplicação e implantação de novos caminhos para facilitar a rotina do alagoano e garantir mais qualidade de vida com a geração de emprego e renda para a população.

A duplicação da AL-101 Norte, obra há muitos anos demandada pela população e que está se transformando num polo de desenvolvimento turístico para a região, segue em andamento e chegará, ainda nesta gestão, até a Barra Santo Antônio. Junto a ela, segue também em curso a implantação da estrada que liga a Barra de Santo Antônio à Barra de Camaragibe, em Passo de Camaragibe, que vai reduzir pela metade, ou seja, em cerca de 40 minutos, o tempo de viagem entre Maceió e as principais praias do Litoral Norte, como Porto de Pedras e São Miguel dos Milagres. Outra obra prevista para ter início ainda neste ano é a implantação da Rota Ecológica entre a Barra de Camaragibe e Porto de Pedras. Juntas, essas obras totalizam mais de 80 quilômetros de novas rodovias implantadas apenas nessa região.

O Litoral Norte é o segundo maior polo turístico alagoano, sendo o município de Maragogi o destino mais procurado por visitantes na região e o segundo destino mais visitado em Alagoas, ficando atrás apenas da capital Maceió. Agora, com a implantação do Aeroporto Costa dos Corais no município, Alagoas ganha mais um vetor para o desenvolvimento econômico, com investimento de cerca de R$ 120 milhões em recursos do tesouro estadual.

Para o secretário de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral, os investimentos na região demonstram a preocupação do governador Renan Filho em impulsionar a atividade turística, uma das principais forças motrizes da economia alagoana.

“O turismo é uma vocação fortíssima do nosso Litoral Norte, que tem praias paradisíacas que atraem visitantes de todos os lugares do Brasil e do mundo. Tirar do papel sonhos como a implantação do Aeroporto Costa dos Corais, em Maragogi, a duplicação da AL-101 Norte, além de tantas outras obras que temos na região, é motivo de muito orgulho para todos nós que fazemos parte do Governo de Alagoas e, tenho absoluta certeza, para todos os alagoanos também”, destacou.

“Mais turismo significa também mais empregos, mais renda e mais qualidade de vida para os alagoanos. Alagoas vive definitivamente uma nova era e é muito gratificante fazer parte dessa transformação”, concluiu Amaral.

Página 1 de 25